fbpx

Notícias

Estados Unidos querem Portugal como parceiro estratégico para distribuição de gás na Europa

Estados Unidos querem Portugal como parceiro estratégico para distribuição de gás na Europa

O embaixador dos Estados Unidos em Lisboa, George Glass, quer formar uma parceria com Portugal no setor do gás natural, capaz de melhorar a segurança energética no resto da Europa e na África.

George Glass, que assumiu funções em agosto, explicou que, neste contexto, há muitas áreas no setor da energia nas quais Portugal e os Estados Unidos podem ser parceiros. “Os Estados Unidos estão passaando  por uma revolução no gás natural e em breve vão passar de um dos maiores importadores globais de energia para o maior exportador, maior do que o Oriente Médio, maior do que a Rússia”, disse o embaixador durante um almoço da Câmara de Comércio Americana,  em Lisboa.

George Glass explicou que, em conjunto, os dois países da Península Ibérica possuem mais de um terço das infraestruturas e capacidade de importação de GNL na Europa. As principais empresas do mundo no setor do gás reúnem-se em Lisboa, no final do mês de novembro, para a Cimeira Mundial do GNL. “Já devem saber que Portugal recebeu o primeiro carregamento de LNG [sigla em inglês para gás natural liquefeito (GNL)] norte-americano exportado para a Europa, em abril de 2016. Mas podem não saber é que neste momento Portugal já recebeu mais gás norte-americano do que qualquer outro país europeu”, revelou o diplomata.

Glass disse ainda que  “Este fato atesta bem o papel significativo que Portugal poderá ter nesta arena nos próximos anos. Quero trabalhar com Portugal para forjar uma parceria no gás natural que melhore a segurança energética e a diversificação de opções para o resto da Europa e também África”.

O Norte e o Centro da Europa dependem, em larga medida, do gás importado da Rússia, um fato que motivou novas políticas europeias de diversificação de fornecedores, por questões geo-estratégicas. Um dos corredores contemplados pela estratégia europeia tem sido o corredor sul, com importações de gás da Líbia para o sul da Península Ibérica. No âmbito dessa estratégia também têm vindo a ser aprovadas a construção de  mais interligações de gás da Península com França, através ou contornando os Pirenéus.

Fonte: www.petronoticias.com.br

Já pensou em investir em Portugal ?

Se já passa aqui as suas férias, porque não fica a residir? Para além de todas as razões que já conhece, saiba que Portugal possui condições atraentes para fazer aqui, o seu investimento.

Entre em contato conosco e faça como muitos brasileiros que redescobriram Portugal.

Fornecemos um atendimento personalizado e exclusivo, prezando pela segurança jurídica, realizando acompanhamentos do cliente em todas as etapas do negócio.

Leia também o “Descobrimento às avessas” , “Elite brasileira traz novos negócios para Portugal

Portugal um dos melhores países para viver” , “Crédito à habitação em Portugal. Saiba quais os municípios onde é mais fácil comprar casa” e “Já pensou em morar em Portugal? Saiba o preço médio de uma casa no país

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *