Notícias

Onde estão as casas mais caras do país? Cascais, Lisboa e Albufeira

Onde estão as casas mais caras do país? Cascais, Lisboa e Albufeira

Baixa de Lisboa, Cascais e Albufeira ocupam o top 3 das zonas de maior valor para quem pretende adquirir um imóvel de luxo.

Trata-se de um ranking preparado pelo grupo alemão Engel & Völkers (E&V), um dos líderes mundiais do setor imobiliário de luxo, presente em Portugal desde 2006, de acordo com as zonas com preços mais elevados por metro quadrado resultado do registo, análise e portefólio da rede de agências E& V a operar em território nacional, com base em dados referentes ao primeiro trimestre de 2017.

A Avenida Marginal, em Cascais (onde o metro quadrado de um imóvel chega aos 13.690 euros) é a localização que ocupa o primeiro lugar do ranking das localizações mais caras e exclusivas em Portugal. Nesta zona, com características muito próprias, predomina a arquitetura tradicional. Palacetes, casas senhoriais, quintas e chalets, preservam a vivência da corte do século XIX. Aqui, uma mansão com sete quartos virada para o mar, atinge os 14 milhões de euros. Já uma moradia com seis quartos pode ser adquirida por 4,6 milhões de euros.

Lisboa ocupa o segundo lugar do ranking, mais precisamente a Rua Vitor Cordon e Páteo do Pimenta, onde o metro quadrado chega aos 11.000 euros, e a Rua da Emenda, com o preço por metro quadrado a atingir os 10.000 euros. Chiado, Príncipe Real e Avenida da Liberdade são consideradas as zonas mais exclusivas da capital. Um apartamento tipologia T3 pode custar 1.200.000 euros e um imóvel T4 pode atingir os 1.600.000 euros.

O sul algarvio conta com dois lugares no ranking e Albufeira ocupa o terceiro lugar.Olhos de Água, Baleeira e Galé são as localizações preferidas de quem procura uma casa de luxo para viver ou passar férias, nas quais o valor por metro quadrado vai desde os 5.600 euros na Galé, aos 7.000 euros no Pinne Cliffs Resort (valores referentes a 2016).

Uma moradia com piscina inserida no condomínio Pine Cliffs Resort, em Olhos de Água, custa 4,5 milhões de euros. Na Galé, uma moradia na primeira linha de mar, com quatro quartos, jardim e piscina, chega aos 3,2 milhões de euros, enquanto uma moradia similar na zona da Baleeira pode alcançar os 2,9 milhões de euros.

Vilamoura surge na quarta posição. Marina, zona central de Vilamoura e as áreas onde estão instalados campos de golfe são as localizações de excelência. Os valores por metro quadrado rondam os 5.365 euros na Volta da Corça, os 5.032 euros em Pinhal Velho e os 4.296 euros no Lake Resort.

Na urbanização da Goldra (Loulé), uma moradia com seis quartos tem um valor de aquisição de 6,1 milhões de euros. Na zona dos campos de golfe (Pinhal Velho), uma moradia com cinco quartos, tem o valor de aproximadamente 2,8 milhões de euros.

A Comporta, no Litoral Alentejano, assume a quinta posição. Esta região em desenvolvimento, com 50 km de costa e uma densidade populacional baixa, promove um elevado nível de privacidade, determinante na decisão de investidores que apostam neste destino paradisíaco, a uma hora da capital. Muda, Brejos da Carregueira de Baixo e Praia do Pego são as localizações mais exclusivas desta zona, onde o preço por metro quadrado oscila entre os 4.500 e 5.000 euros.

Uma moradia com seis quartos e frente de praia, em Melides, pode atingir os 4 milhões de euros, enquanto que nos Brejos da Carregueira uma moradia com cinco quartos vale 1,3 milhões de euros.

Sintra, em sexto lugar, nomeia a Penha Longa, o centro histórico e o Belas Clube de Campo como as localizações de exceção, onde os preços por metro quadrado oscilam entre os 4.000 euros e os 4.800 euros. Nas zonas costeiras desta vila, como por exemplo em Azenhas do Mar, um palacete com dez quartos ascende a 2,8 milhões de euros. No centro histórico, um imóvel similar com quatro quartos chega aos 2,2 milhões. Em Colares, uma quinta senhorial do século XVIII atinge os 3,7 milhões de euros.

Considerada a “Veneza de Portugal”, devido à sua famosa ria, Aveiro completa este ranking. Costa Nova e Barra, em Ílhavo, e Vera Cruz e Glória, em Aveiro, são as zonas consideradas mais exclusivas nesta zona costeira. Com preços por metro quadrado que variam entre os 2.090 e 2.678 euros, esta região do Centro do país começa a ser procurada ao longo do ano, abandonando a sazonalidade turística.

Esta é uma região com uma ampla oferta de propriedades de grande qualidade, a preços atrativos. Uma moradia, com 14 assoalhadas e cinco quartos, localizada junto ao mar, pode custar 1,9 milhões de euros. Em Glória, uma moradia geminada de arquitetura moderna vale cerca de 395.000 euros e um apartamento duplex com seis quartos chega aos 380.000 euros.

Os responsáveis das agências são unânimes e elegem franceses, alemães, suíços, belgas, britânicos, americanos, brasileiros e mesmo indianos como as principais nacionalidades dos compradores estrangeiros.

Fonte: www.jornaleconomico.sapo.pt

Já pensou em morar em Portugal ?

Se já passa aqui as suas férias, porque não fica a residir? Para além de todas as razões que já conhece, saiba que Portugal possui condições atraentes para fazer aqui, o seu investimento.

Entre em contato conosco e faça como muitos brasileiros que redescobriram Portugal.

Fornecemos um atendimento personalizado e exclusivo, prezando pela segurança jurídica, realizando acompanhamentos do cliente em todas as etapas do negócio.

Leia também o “Descobrimento às avessas” , “Elite brasileira traz novos negócios para Portugal

Portugal um dos melhores países para viver” , “Crédito à habitação em Portugal. Saiba quais os municípios onde é mais fácil comprar casa” e “Já pensou em morar em Portugal? Saiba o preço médio de uma casa no país

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *